Como combater a acomodaçãoA acomodação é uma coisa traiçoeira, principalmente por que ela começa a partir de um sentimento positivo. Pode ser que você tenha justamente acabado de realizar algo fenomenal, atingido uma meta significativa, ou alcançado um grande sucesso. Compreensivelmente, você então tira um tempinho para curtir aquele “fazer nada” que vem após uma realização; aquele período de auto-satisfação e de comemoração.

Mas o que acontece se você não desperta da embriaguez do sucesso? Você vai em frente, é claro, mas sem o mesmo sentido de urgência, sem a impulsão e a tenacidade que foram os principais fatores da sua grande vitória recém-conquistada. Você começa a perder a sua concentração, a sua direção.

Um belo dia então, você desperta e percebe que deixou para trás uma grande oportunidade; você está inacreditavelmente entediado com o seu trabalho; ou você não tem mais a menor idéia de onde você está indo, ou mesmo de onde você deseja ir. Você tornou-se acomodado, e isso está começando a matar a sua paixão.

Então, o que pode você fazer para evitar a acomodação, ou para escapar dela quando você suspeitar que ela possa estar montando um acampamento na sua vida? Vejamos algumas idéias no sentido de reacender a sua paixão.

Faça uma lista dos seus sucessos.

Uma das melhores maneiras de tornar-se motivado é olhar para trás e rever algumas das suas maiores realizações. Pegue um pedaço de papel e um lápis e comece a rabiscar algumas das coisas que você tem o maior orgulho de ter feito.

Leia mais:   Gente talentosa só trabalha em mega empresa?

Tudo bem, isso parece auto-congratulatório demais (e é mesmo). Mas isso é também uma ótima maneira de você lembrar-se do que é capaz de fazer, e assim começar a construir alguma confiança que possa levar a uma ação positiva.

Estabeleça uma nova meta.

A fixação de metas não é algo que você deva fazer somente no primeiro dia do ano. Metas não são compromissos imutáveis, mas isso é um tópico totalmente à parte. Na verdade, as metas mais bem sucedidas são aquelas que você leva tempo para fixar, e então revisita frequentemente para assegurar-se de que está na trilha certa.

Se você não estiver trabalhando ativamente rumo a uma meta de negócios, está na hora de fixar uma nova meta. Isso não é um bicho de sete cabeças como pode parecer e é algo que, certamente, irá reacender uma parte da sua paixão. Utilize o conjunto de recursos suscitados por essa nova meta para dar o seu pontapé inicial.

Dirija a sua mira para algo excepcional.

Quer saber quem é a melhor amiga da Acomodação? Deixe-me apresentá-lo à srta. Mediocridade. Juntas, essas duas têm o poder de detoná-lo. É assim que a coisa funciona: você torna-se acomodado (por uma das razões discutidas acima). Então, você começa a trabalhar apenas o mínimo necessário para tocar a coisa (benvindo à mediocridade). Bem, agora você caiu no ciclo – você não tem motivação ou paixão pelo seu negócio, e então você simplesmente continua fazendo o mínimo trabalho possível, dispendendo a menor quantidade de esforço, unicamente para empurrar a coisa com a barriga.

Leia mais:   O lado bom e o lado ruim de um ambiente de trabalho virtual

Agora, você quer saber como romper esse ciclo? É muito simples. Tome uma tarefa ou projeto e comprometa-se a tocá-lo acima e além da média, abalando as expectativas e concluindo-o excepcionalmente bem. É isso o que vai acontecer. Você completará esse projeto com 110% de esforço, e você vai sentir-se bem, bem prá caramba, quando chegar ao fim. De fato, você irá sentir-se tão bem que isso vai prolongar-se no projeto seguinte, e no que vier depois dele. E sem dar-se conta, você estará indo super bem o tempo todo. Isso já não parece tão mau agora, não é?

O pulo do gato de tudo isso é ser capaz de detectar a acomodação, antes que ela o contamine totalmente, e compreender que a kryptonita contra a acomodação é simplesmente AGIR. Se você estiver fazendo algo para ir em frente, você já deu o primeiro passo para por um fim à acomodação.

Marco Fernandes

ProLucro Consultoria Empresarial

Alguns vídeos que podem lhe interessar:

O que é e quanto custa um PLANO DE NEGÓCIO?
O que é e quanto custa um PLANO ESTRATÉGICO EMPRESARIAL?
O que é e quanto custa uma AVALIAÇÃO DE EMPRESA?