O seu negócio está passando por problemas? O fato é que a imprevisibilidade relativa do mercado torna inevitável o surgimento de problemas, cuja frequência varia de acordo com a maior ou menor estabilidade da sua indústria específica de atuação. Em outras palavras, toda empresa tem problemas o tempo todo e isso, por si só, não é uma razão para alarme, pois a maioria das dificuldades enfrentadas por toda organização podem ser superadas com relativa facilidade, desde que detectadas a tempo de formular-se uma reação adequada a elas.

solucionando problemasMais uma vez aqui, o tempo é um fator crucial. Uma coisa é você ser alertado para um problema que ocorrerá daqui a trinta dias, dando-lhe portanto uma margem de manobra mais ou menos razoável para buscar uma solução apropriada; outra coisa é o seu empregado ligar apavorado para comunicar um problema que ocorreu anteontem, e para o qual possivelmente não reste qualquer remédio satisfatório. Há casos, infelizmente, que escapam a qualquer possibilidade de previsão, mas na maioria das vezes essas surpresas são perfeitamente desnecessárias.

Se você estiver sendo pego de surpresa a cada três dias por contingências críticas na operação do seu negócio, há uma grande chance de que a sua organização não seja tão organizada assim. Na verdade, ao recorrer à assistência de uma Consultoria Empresarial, na grande maioria dos casos, o diagnóstico dos Consultores apontará para alguma falha básica de organização em algum estágio dos processos cíclicos que constituem a sua rotina de funcionamento.

Leia mais:   Instituições de Apoio à Pequena Empresa

Com a implementação de tecnologias elementares de monitoramento, os problemas da sua empresa certamente não vão terminar, mas você passará a ser alertado para eles com uma antecedência mais confortável. Evidentemente, você não precisará contratar mais um empregado para ficar empoleirado em cima do telhado com um binóculo no pescoço, de olho nas nuvens negras e eventuais raios, chuvas e trovoadas capazes de criar-lhe problemas no futuro imediato. Hoje em dia existem ferramentas tecnológicas que trabalham silenciosamente em seu computador na produção de relatórios práticos, capazes de oferecer prognósticos confiáveis a curto, médio e longo prazo.

Os indicadores produzidos por essas ferramentas servirão para sinalizar dificuldades principalmente no âmbito crítico da lucratividade e da liquidez do seu negócio, os quais constituem os sustos mais desagradáveis (e perigosos) que você desejará evitar. Mas a tecnologia poderá assisti-lo também em áreas como controle de estoques e inventário, onde a desorganização pode levar rapidamente a prejuízos e perdas totalmente desnecessários. Softwares capazes de trazer ordem e organização a uma lista de clientes que recorrem em caráter regular aos seus produtos e serviços são um outro “must” que não podem faltar em sua caixa de ferramentas.

Recapitulando então, uma Consultoria Empresarial responsável implementará um leque de mecanismos tecnológicos que permitirão a você próprio resolver os problemas recorrentes, rotineiros, enfim, normais de toda empresa, sem atropelos e em um clima de relativa tranquilidade. A palavra chave aqui é trazer organização para onde antes havia desorganização, fazendo um uso máximo da tecnologia para absorver as tarefas repetitivas, liberando assim a sua equipe exclusivamente para aquelas atividades que as máquinas não podem (ainda) executar.

Leia mais:   Cuidados ao se contratar uma consultoria

Alguns vídeos que podem lhe interessar:

O que é e quanto custa um PLANO DE NEGÓCIO?
O que é e quanto custa um PLANO ESTRATÉGICO EMPRESARIAL?
O que é e quanto custa uma AVALIAÇÃO DE EMPRESA?