Quem quer começar um novo negócio deve responder primeiro esta pergunta. E sua resposta é relativamente fácil. Mas antes de prosseguir no texto, tenha em mente que a Pesquisa de Mercado quase sempre custa mais que o Plano de Negócio.

 

Quem deve começar pelo Plano de Negócio?

  • Quem nunca teve um negócio similar. Isso inclui, naturalmente, quem nunca teve qualquer negócio.
  • Quem já teve ou tem um negócio similar, mas está pensando em mudar significativamente o formato e tem dúvidas sobre o investimento necessário.

Nestes casos, ter um plano de negócio viável em mãos é fundamental para orientar a pesquisa de mercado. Sem ela, a pesquisa teria que ser muito abrangente, o que eleva demais os custos. E perderia em objetividade, pois não pode focar situações específicas simuladas no plano de negócio já customizado para a realidade do empreendedor.

A modelagem de um plano de negócio parte de quanto o empreendedor pretende ter de renda, somando pró-labore e lucro. Como as margens de lucro potenciais são conhecidas pelos especialistas, isso permite calcular a ordem de grandeza do faturamento necessário, o que, por sua vez, permite calcular o porte do negócio e o valor do investimento a ser feito.

A primeira limitação já pode aparecer aí. Se o investimento necessário estiver acima da capacidade do empreendedor, ou ele diminui a expectativa de renda, ou desiste do negócio. Alguns ficam por aqui. O consolo é que investiram apenas o valor do plano de negócio.

Se o valor do investimento não se mostrar o problema, vem uma segunda e fundamental questão.

Com o plano em mãos, o empreendedor poderá enxergar sua empresa funcionado em detalhes: tamanho das instalações, quantidade e perfil de funcionários, fornecedores, clientes e parceiros, horário de funcionamento, a operação em si e, principalmente, suas obrigações no dia a dia. Verá, ainda, as dificuldades na fase de implantação do negócio.

Essa visão detalhada de uma realidade futura próxima pode decepcionar ou assustar alguns candidatos. É comum muitas pessoas desistirem nesse momento, mesmo que o plano se mostre viável e os recursos para o investimento estejam disponíveis.

Se nada disso parou o empreendedor, tendo em mãos um plano de negócio viável, vem uma pergunta fundamental:

O faturamento previsto no plano de negócio é factível de ser alcançado?

O sim muitas vezes é respondido no próprio plano, pois as informações de mercado disponíveis durante sua realização são suficientemente seguras para dizer isso.  O empreendedor pode partir para a implantação.

Mas se pairarem dúvidas, pode ser necessário a pesquisa de mercado. É necessário então modelar, orçar, contratar e realizar a pesquisa.

E se vier um não da pesquisa, o sonho morre aqui, também com o consolo de só ter investido no plano de negócio e na pesquisa de mercado.

Se vier o sim, o empreendedor terá em mãos um plano de negócio de fato viável, referendado pela pesquisa e mais rico em detalhes fornecidos por ela.


Quem deve começar um novo negócio pela Pesquisa de Mercado?

  • Quem já tem ou teve um negócio similar e conhece bem as margens de lucro que o mesmo dá e o valor necessário do investimento.

Esses empreendedores experientes procuram um nicho de mercado, pontos comerciais, espaço na Internet, enfim, uma demanda firme para o que querem vender.

Eles não serão surpreendidos pelo valor necessário do investimento ou pelo seu dia a dia, pois já possuem um conhecimento prévio de tudo. Eles só querem achar o cliente primeiro. Só então fazem o plano de negócio.

 

Leia mais:   O que é Plano de Negócios e o que ele pode fazer por você

Seja qual for o caso, só uma questão é definitiva:

Um empreendedor jamais deve abrir um novo negócio sem um plano de negócio viável em mãos.

flavio Flávio Barcellos
Especialista em consultoria em pequenas empresas, com 20 anos de experiência, tendo atuado pessoalmente em mais de 400 serviços. Especialista em programas de políticas públicas para pequenas empresas, com mais de 100 serviços prestados a órgãos públicos, associações empresarias, sindicatos e Sistema S. Consultor credenciado do SEBRAE. Engenheiro. Fundador e Diretor da ProLucro.

Alguns vídeos que podem lhe interessar:

O que é e quanto custa um PLANO DE NEGÓCIO?
O que é e quanto custa um PLANO ESTRATÉGICO EMPRESARIAL?
O que é e quanto custa uma AVALIAÇÃO DE EMPRESA?