Você Está Preparado Para Tocar O Seu Próprio Negócio?Abrir um pequeno negócio é sempre arriscado, e as chances de sucesso são limitadas. Segundo a U.S. Small Business Administration (órgão estatal americano de apoio à pequena empresa), mais de 50% das pequenas empresas fracassam ao fim dos cinco primeiros anos de atividade.

Esses números não devem assustá-lo ou desanimá-lo, mas prepará-lo para o duro caminho à sua frente. Subestimar as dificuldades de se abrir um novo negócio é um dos maiores obstáculos encarados pelo empreendedor. Entretanto, o sucesso pode lhe sorrir se você for paciente, tiver disposição para trabalhar duro, e tomar todas as precauções necessárias.

Comece com uma avaliação dos seus pontos fortes e fracos, como um potencial proprietário e administrador de um pequeno negócio. Examine com atenção cada um dos itens abaixo.

Você pretende começar sozinho? Caberá exclusivamente a você desenvolver projetos, organizar a sua equipe, e trabalhar os detalhes.

Como você lida com diferentes personalidades? Proprietários de empresas precisam desenvolver relações de trabalho com uma variedade de pessoas que incluem clientes, vendedores, equipe, administradores de bancos, e profissionais tais como advogados, contadores ou consultores. Você é capaz de lidar com um cliente exigente, um vendedor pouco confiável, ou uma recepcionista arrogante, se o interesse do seu negócio assim o exigir?

Como você se comporta na hora de tomar decisões? Proprietários de pequenos negócios precisam tomar decisões constantemente – muitas vezes com rapidez, com independência e sob pressão.

Leia mais:   5 passos para a construção de um negócio criativo

Você possui a stamina física e emocional para tocar um negócio? Ser dono de um negócio próprio pode ser excitante, mas também implica em um monte de trabalho. Você está preparado para encarar jornadas de 12 horas de trabalho, seis ou sete dias por semana?

Como é o seu planejamento e organização? As pesquisas indicam que o planejamento deficiente é responsável pela maior parte dos fracassos de pequenas empresas. Uma boa organização – de finanças, inventário, cronogramas e produção – pode ajudá-lo a evitar muitas armadilhas.

Você possui a motivação necessária? Tocar um negócio é algo que pode desgastá-lo emocionalmente. Alguns empreendedores esgotam-se rapidamente por ter de carregar sozinhos em seus ombros toda a responsabilidade do sucesso de seus negócios. Uma forte motivação irá ajudá-lo a sobreviver a períodos tanto de estagnação quanto de stress.

Como o seu negócio afetará a sua família? Os anos iniciais de um novo negócio podem atingir duramente a vida familiar. É importante que os membros da sua família saibam o que esperar, e que você tenha confiança no apoio deles durante esse período. Também podem ocorrer dificuldades financeiras até que o seu negócio torne-se lucrativo, algo que pode levar meses ou mesmo anos. Você poderá ser forçado a ajustar-se a um padrão de vida mais modesto, ou ter de empenhar bens familiares a curto prazo.

Leia mais:   Política de Satisfação do Cliente: quais são os limites?

O sucesso nos negócios nunca é automático. Trata-se de algo que não é estritamente baseado na sorte (mas um pouquinho dela não faz mal a ninguém). Depende primariamente da visão e organização do empreendedor. Mesmo assim, é claro, não existem garantias. Em seu livro Small Business Management, Michael Ames dá as seguintes razões para o fracasso de pequenas empresas:

1. Falta de experiência.

2. Capital insuficiente.

3. Localização precária.

4. Administração precária de inventário.

5. Investimento excessivo em ativos fixos.

6. Esquemas precários de crédito.

7. Utilização de fundos da empresa para fins pessoais.

8. Crescimento inesperado.

A isso podemos acrescentar duas outras razões:

9. Competição.

10. Vendas insuficientes.

Não há dúvidas que existem infinitas razões para você não abrir o seu próprio negócio. Mas para a pessoa certa – amparada por uma assessoria competente – as vantagens de se tornar um empreendedor independente compensam, e muito, todos os riscos envolvidos:

1. Você será o seu próprio patrão.

2. O trabalho duro e as longas horas de dedicação irão beneficiá-lo diretamente, e não aumentar os lucros de terceiros.

3. Os ganhos e o potencial de crescimento são muito maiores.

4. Novos empreendimentos são tão excitantes quanto arriscados.

5. Tocar um negócio é uma fonte infinita de novos desafios e de oportunidades de aprendizado.

Amparados em anos de experiência e em uma legião de clientes satisfeitos, os consultores da ProLucro estão plenamente habilitados a mostrar-lhe o “caminho das pedras,” para que você não seja vítima das armadilhas descritas acima – e muitas outras – que fazem fracassar o empreendedor despreparado. Conheça a nossa Linha de Produtos – o nosso Plano de Desenvolvimento do Perfil Empreendedor aplica-se especialmente ao tema geral deste tópico – mas também nossa abrangente e completa pauta de como Abrir um Novo Negócio, bem como o desenvolvimento e implementação de um Plano de Negócio voltado especificamente para a sua atividade.

Leia mais:   Saiba como a Inteligência Competitiva pode melhorar as vendas!

Marco Fernandes

Related Post

Alguns vídeos que podem lhe interessar:

O que é e quanto custa um PLANO DE NEGÓCIO?
O que é e quanto custa um PLANO ESTRATÉGICO EMPRESARIAL?
O que é e quanto custa uma AVALIAÇÃO DE EMPRESA?